Arquivos da categoria: Geografia Física

13
jul

Nave Juno envia primeira foto da órbita de Júpiter

A imagem mostra o Planeta Gigante e suas luas de uma perspectiva inédita. E há mais fotos impressionantes por vir.

A nave Juno mal chegou em Júpiter e já está mandado imagens das suas espiadinhas. A sonda viajou por cinco anos até chegar perto do Planeta Gigante no dia 5 de julho, para observar pela primeira vez o que está por trás das grossas camadas de gás que formam a camada externa de Júpiter.

Depois de uma entrada de sucesso na radioativa órbita jupiteriana – que exigiu que Juno desligasse todos os equipamentos e queimasse combustível para perder velocidade – a Nasa reativou as câmeras nesta semana. Agora, a agência anunciou a primeira foto da história tirada do interior da órbita da Júpiter.

09
jul

Ideia sustentável está ajudando milhares de famílias em África

Cerca de 35 % da população mundial enfrenta dificuldades para ter acesso à água e chega a percorrer longas distâncias para adquirir alguns litros deste precioso líquido.

 

Infelizmente, esta é uma realidade de milhares de famílias africanas que enfrentam este dilema dia após dia.

hippo_agua-750x286

hippo5

Mulheres e crianças na sua maioria percorrem longas distâncias com baldes e bidons de água que variam de 25 a 50 litros que devem ser carregados na cabeça e nos ombros, o que consequentemente pode gerar diversos problemas de saúde.

30
jun

Brasileiro desenvolve sistema natural para tratamento de esgoto

O sistema foi tão bem sucedido que recebeu destaque em um dos concursos realizados pela Agência Nacional de Águas.

 

tanquederaizes

Um dos grandes problemas de áreas rurais por todo o país é a falta de acesso a sistemas de tratamento de esgoto. Em consequência disso, muitas comunidades acabam despejando dejetos sem tratamento em áreas de mananciais. Diante desta dificuldade, o engenheiro ambiental Jonas Rodrigo dos Santos desenvolveu um sistema natural, que retira a maior parte das impurezas e evita a contaminação da água.

30
jun

Nasa mostra como a poeira do Saara fertiliza a Amazônia

Todo o ecossistema amazônico depende da poeira do Saara para reabastecer suas reservas de nutrientes perdidos.

nasamazoniasaara

Uma quantidade significativa de poeira do deserto do Saara “viaja” mais de dois mil quilômetros chegando até a Amazônia, é o que mostra um vídeo divulgado recentemente pela Agência Espacial Americana (Nasa). A informação, no entanto, não é exatamente uma novidade.

Os dados da Nasa que mostram a relação entre o deserto e a floresta foram coletados entre 2007 e 2013, apesar de o fato já ser conhecido por muitos cientistas anos antes. Agora se tem mais dados exatos sobre o fenômeno.