04
maio

Conheça as 7 maravilhas do mundo sem sair de casa

Saiba quais são as 7 maravilhas do mundo e conheça um pouco mais de cada uma delas

Viajar pelo mundo faz parte do sonho de muitas pessoas e hoje em dia está cada vez mais possível conseguir realizar esse sonho sem gastar muito dinheiro. Os mochilões podem ser uma boa opção para quem quer realizar este sonho, mas deve ser planejado com antecedência, levando em consideração o orçamento disponível e principalmente o roteiro de viagem. Uma ferramenta muito útil nesse processo de planejamento é o Google Maps! Isso mesmo, a ferramenta do Google mostra para você as imagens reais dos locais escolhidos e pode te ajudar a definir com precisão os pontos turísticos para visitação na sua viagem.

7 MARAVILHAS DO MUNDO – GOOGLE MAPS

Conheça as 7 maravilhas do mundo através de fotos via Google Maps

 

1 – Ruínas de Petra – Jordânia –  Foi em  7 de julho de 2007 eleita em Lisboa, no Estádio da Luz uma das Novas sete maravilhas do mundo. As ruínas de Petra foram objecto de curiosidade a partir da Idade Média, atraíndo visitantes como o sultão Baibars do Egipto, no princípio do século XIII. O primeiro europeu a descobrir as ruínas de Petra foi Johann Ludwig Burckhardt (1812), tendo o primeiro estudo arqueológico científico sido empreendido por Ernst Brünnow e Alfred von Domaszewski, publicado na sua obra Die Provincia Arabia (1904). O nome Petra vem do grego e significa rocha. Pois quando os primeiros nativos chegaram lá, viram muitas pedras e rochas e, então surgiu a ideia de colocar o nome Petra e traduzido basicamente A cidade das rochas.Ruínas de Petra - Jordânia

2 – Muralha da China – China  A Muralha da China após concurso informal internacional em 2007, foi considerada uma das sete maravilhas do mundo moderno. No século XX, na década de 1980, Deng Xiaoping deu prioridade à Grande Muralha como símbolo da China, estimulando uma grande campanha de restauração de diversos trechos. Porém, a requalificação do monumento como atração turística sem normas para a sua utilização adequada, aliada à falta de critérios técnicos para a restauração de alguns trechos (como o próximo a Jiayuguan, no Oeste do país, onde foi empregado cimento moderno sobre uma estrutura de pedra argamassada, que levou ao desabamento de uma torre de seiscentos e trinta anos), geraram várias críticas por parte dos preservacionistas, que estimam que cerca de dois terços do total do monumento estejam em ruínas.

SITE-blog-a-muralha

3 – Cristo Redentor – Brasil – Em 2007 foi eleito informalmente como uma das novas sete maravilhas do mundo. O monumento foi concebido pelo engenheiro brasileiro Heitor da Silva Costa e construído em colaboração com o escultor francês Paul Landowski e com o engenheiro francês Albert Caquot, entre 1922 e 1931. Foi inaugurada no dia 12 de outubro de 1931, dia de Nossa Senhora Aparecida e fica no bairro de Santa Teresa. Símbolo do cristianismo brasileiro, a estátua se tornou um ícone do Rio de Janeiro e do Brasil. Em 2011 uma pesquisa de opinião pela internet o Cristo Redentor foi considerado por 23,5 % de 1 734 executivos de todos os países da região como o maior símbolo da América Latina.

SITE-blog-a-cristo-redentor

4- Taj Mahal – Índia Foi recentemente anunciado como uma das Novas Sete Maravilhas do Mundo em uma celebração em Lisboa no dia 7 de Julho de 2007.  A obra foi feita entre 1632 e 1653[2] com a força de cerca de 20 mil homens,[3] trazidos de várias cidades do Oriente, para trabalhar no suntuoso monumento de mármore branco que o imperador Shah Jahan mandou construir em memória de sua esposa favorita, Aryumand Banu Begam, a quem chamava de Mumtaz Mahal (“A joia do palácio”). Ela morreu após dar à luz o 14º filho, tendo o Taj Mahal sido construído sobre seu túmulo, junto ao rio Yamuna. Assim, o Taj Mahal é também conhecido como a maior prova de amor do mundo, contendo inscrições retiradas do Corão. É incrustado com pedras semipreciosas, tais como o lápis-lazúli entre outras. A sua cúpula é costurada com fios de ouro. O edifício é flanqueado por duas mesquitas e cercado por quatro minaretes.

SITE-blog-a-taj-mahal

5 – Coliseu – Itália Em 7 de julho de 2007 foi eleita umas das “Sete maravilhas do mundo moderno”  O Coliseu, também conhecido como Anfiteatro Flaviano ou Flávio (em latim: Amphitheatrum Flavium), é um anfiteatroconstruído no período da Roma Antiga. Deve seu nome à expressão latina Colosseum (ou Coliseus, no latim tardio), devido à estátua colossal do imperador romano Nero, que ficava perto da edificação. Localizado no centro de Roma, é uma excepção de entre os anfiteatros pelo seu volume e relevo arquitetônico. Originalmente capaz de abrigar perto de 50 000 pessoas[1] , e com 48 metros de altura, era usado para variados espetáculos. Foi construído a leste do Fórum Romano e demorou entre oito a dez anos a ser construído.

SITE-sete-maravilhas-coliseu

6- Cidade Arqueológica de Chichén Itzá (México)  É um dos principais sítios arqueológicos na Península de Yucatan no México , localizadas em o município de Tinum , no estado deYucatan . Vestígio importante e famosa da civilização maia , os principais edifícios que permanecem não corresponder ao tempo do declínio da própria cultura maia conhecido pelos arqueólogos como o pós – período clássico. A arquitetura monumental que tem sobrevivido até hoje, que é emblemático do site, tem uma influência tolteca clara. O deus que preside sobre o site, de acordo com a mitologia maia , é Kukulcan , a representação maia de Quetzalcoatl , deus retirado do panteão da cultura tolteca .

SITE-blog-a-chichen-itza

7 – Machu Picchu (Peru)  Machu Picchu (em quíchua Machu Pikchu, “velha montanha”),[1] também chamada “cidade perdida dos Incas“,[2] é uma cidade pré-colombiana bem conservada, localizada no topo de uma montanha, a 2400 metros de altitude, no vale do rio Urubamba, atualPeru. Foi construída no século XV, sob as ordens de Pachacuti. O local é, provavelmente, o símbolo mais típico do Império Inca, quer devido à sua original localização e características geológicas, quer devido à sua descoberta tardia em 1911. Apenas cerca de 30% da cidade é de construção original, o restante foi reconstruído. As áreas reconstruídas são facilmente reconhecidas, pelo encaixe entre as pedras. A construção original é formada por pedras maiores, e com encaixes com pouco espaço entre as rochas.

Machu-Picchu-Peru

Gostou da “viagem” ? Já conhece alguns desses lugares maravilhosos? Tem outras sugestões de lugares para gente ? Mande sua foto para contato@mundogeografico.com.br

Vamos divulgar sua foto, com devidos créditos é claro 😉

Deixe uma resposta