09
jul

6 documentários na Netflix para repensar a vida na Terra

Despertar da consciência

São Paulo – Já somos 7 bilhões de pessoas no mundo, usufruindo dos recursos naturais que a Terra, generosa, nos dá sem pedir nada em troca. Nossa permanência neste mundo depende da saúde do meio ambiente. E a saúde do meio ambiente depende de termos consciência de nossas ações e de seus impactos para os ecossistemas e para os seres vivos (incluindo nossos próprios semelhantes). Somos todos parte do mesmo ciclo — ainda que a vida entre concreto nas grandes cidades nos faça esquecer disso. Para lembrar da grandeza e, também, da fragilidade de nosso Planeta, EXAME.com separou 11 documentários na Netflix que farão você repensar a vida por essas bandas. Preparado para a jornada? Surpreenda-se.

1-VIRUNGA

Uma palavra define este documentário: arrebatador. Virunga conta a história verídica indicada ao Oscar dos guardas que arriscam a vida para proteger o parque nacional mais precioso da África e seus gorilas em risco de extinção, diante das turbulências civis do Congo e do avanço de empresas petroleiras interessadas em explorar os recursos do Parque. Trilha sonora e fotografia são de tirar o ar

 

size_810_16_9_virunga (1)

2-TERRA

Os animais são os refugiados que muitas vezes esquecemos. Esta é a mensagem do belíssimo documentário TERRA, que reflete sobre nossa relação com outras criaturas do mundo à medida que a humanidade se afasta cada vez mais da natureza. Já passou da hora de repensarmos a forma de compartilhar o nosso

 

size_810_16_9_terra

3-THE TRUE COST

Você tem o costume de “vibrar” quando compra uma peça de roupa muito barata? O documentário The True Cost é um soco no estômago, que expõe as condições, muitas vezes vexatórias e desumanas, em que essas roupas são produzidas por trabalhadores na China, Bangladesh e Índia. Preparado para descobrir o verdadeiro custo do apetite mundial por roupas e mais roupas baratas e descartáveis? Então esse documentário é para você, que também vai conhecer novas formas mais sustentáveis e socialmente justas de produção.

size_810_16_9_the-true-cost

4-BORN TO BE WILD

Quando caçadores matam elefantes por causa de suas preciosas presas de marfim, Daphne Sheldrik adota seus bebês órfãos no Quênia. Do outro lado do mundo, nas selvas de Bornéu, a famosa primatologista Biruté Galdikas cuida dos orangotangos que perderam sua família por conta do desmatamento. Born to be wild é a história encantadora dessas duas mulheres e suas equipes extraordinárias que se comprometeram a cuidar dos animais órfãos até eles estarem prontos para retornar ao seu habitat natural.

size_810_16_9_born-to-be-wild

5-COWSPIRACY

Documentário polêmico, Cowspiracy investiga os impactos ambientais da criação de animais para o consumo humano e a relação dessa atividade econômica com o aquecimento global. E vai além, questionando, do ponto de vista ético e cultural, os hábitos à mesa da humanidade e a relação com outros seres sencientes, que assim como nós, têm capacidade de sofrer ou sentir prazer.

6-BLACKFISH

Documentário que virou o pesadelo do grupo americano SeaWorld, “Blackfish” analisa como a vida em cativeiro pode afetar o comportamento das orcas. Lançado em 2013, o filme teve como gancho a morte da treinadora Dawn Brancheau, que foi atacada em 2010 pela orca Tilikum no parque SeaWorld de Orlando, na Flórida, em frente aos espectadores. Depois da estreia de “Blackfish”, a empresa viu os números de visitantes nos parques diminuírem drasticamente. Em março de 2016, o SeaWorld anunciou o fim de programa de espetáculos com orcas.

Matéria publicada originalmente na revista virtual Exame

Deixe uma resposta